meditação na tradição do yoga

Meditação na Tradição do Yoga
A Meditação é uma prática presente em quase todas tradições espirituais e religiosas. Tem como objetivo a permanência da mente no objeto de meditação. Se o objeto de meditação é desconhecido, a mente não pode permanecer no objeto. Ao menos um conhecimento indireto do objeto se faz necessário para a mente identificar o meditado. Caso contrário, a meditação não se constitui um meio de conhecimento para o autoconhecimento ou autorealização.

Comumente, a meditação é conhecida na forma de técnicas, mas a meditação em si não é uma técnica. A meditação conforme a tradição do Yoga é a contemplação da natureza do próprio sujeito chamada dhyāna ou nididhyāsana. Através de uma visão clara oriunda na forma de conhecimento (brahmavidyā) é possível solucionar a sensação de inadequação comum a todo ser humano que dá origem ao sofrimento.

No entanto, para que possamos de fato reconhecer a nossa própria identidade, disciplinas preparatórias são indicadas com o objetivo estabelecer uma qualificação da mente chamado Upāsana Yoga. Através dessas práticas poderemos estabelecer uma maior firmeza da mente, um grau de quietude, presença, atenção plena, um espaço interno substancial para que possamos observar os nossos padrões e reações.

À partir do momento que conquistamos as qualificações necessárias para a mente, a assimilação do conhecimento revelado pela tradição Védica se torna uma questão de tempo, interesse e dedicação.

Nessa proposta de Intensivo de Meditação na Tradição do Yoga trabalhamos as 4 etapas preparatórias de Upāsana Yoga:
– meditação para relaxar
– meditação para focar
– meditação para expandir
– meditação sobre os valores